E o pau canta nos EUA…

Posted on 09/09/2008. Filed under: Finanças, Humor |

A intervenção na Fannie e no Freddie está criando um caos nos EUA. Estão chamando o Paulson de “comunista”, de “ministro das finanças da república popular da China”!
 
Pegando pesado mesmo, dizendo que os EUA não são mais uma economia de mercado etc.
Vejam:
 
http://www.bloomberg.com/apps/news?pid=20601087&sid=alpUsTv3.upI&refer=home
 
Infelizmente o Fed não teve opção. O mercado financeiro ficou muito complexo, criou-se muito dinheiro do nada.
 
Esses derivativos de crédito foram usados e abusados e acabaram gerando uma quantidade irreal de dinheiro no mundo.
 
O Fed está fazendo tudo o que pode fazer para evitar um terremoto no sistema financeiro americano. É fato mais do que absoluto que alguns bancos americanos tecnicamente mortos, estão prolongando sua agonia, estão em sobrevida, mas uma desconfiança no sistema financeiro poderia gerar corrida a bancos saudáveis, o que seria inimaginável.
 
Warren Buffett sempre falou que esse mercado de derivativos era um perigo. Sempre disse que dinheiro vem de venda de aço, de venda de minério, de venda de frango, de venda de empréstimo, de venda de petróleo e não de especulação sobre preço futuro de minério, petróleo ou frango.
 
Mercado de derivativos é importante. Ninguém nega. Agora, qualquer registro contábil “maroto”, pode fazer um balanço medonho se tornar aceitável, dado que os derivativos oscilam muito.
 
A pressão nos bancos americanos por aumentar o lucro trimestre a trimestre fez com que os executivos perdessem a mão na dose de ações heterodoxas.
 
Lamento, pois quem pagará a conta serão os contribuintes americanos. Aqueles executivos irresponsáveis, que receberam 400 milhões de dólares de bônus, não perderão nada, apesar de estarem à frente de uma mega-ultra-hiper-bolha de derivativos de commodities/crédito.Continuarão com todos os lucros auferidos nos últimos anos de bonança.
 
Enquanto isso, o Lehmann já perdeu em 18 meses, mais do que ganhou em 30 anos.
 
Não há outra dica, para o momento: Mantenha-se em empresas da economia real. Sólidas e com boas perspectivas de crescimento de lucro/vendas. Mantenha-se em mercados REAIS que estiverem em ascensão. Fuja de derivativos e comportamento de risco.
Anúncios

Make a Comment

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  • Disclaimer

    Este blog é um ambiente privado para expor opiniões, estudos, reflexões e comentários sobre assuntos ligados a finanças, bolsa de valores, economia, política, música, humor e outros temas.

    Seus objetivos são educacionais ou recreativos, não configurando sob nenhuma hipótese recomendação de investimento.

    O investidor consciente deve tomar decisões com base em suas próprias crenças e premissas. Tudo que lê ou ouve pode ser levado em consideração, mas a decisão de investimento é sempre pessoal. Tanto na escolha de ações para carteira própria, quanto na escolha de gestores profissionais para terceirização da gestão.

    O Autor espera que os temas educacionais do blog possam ajudar no desenvolvimento e no entendimento das nuances do mercado de ações, mas reitera que a responsabilidade pela decisão de investimento é sempre do próprio investidor.

    Sejam bem vindos!

  • Paulo Portinho

    PAULO PORTINHO, engenheiro com mestrado em administração de empresas pela PUC-Rio, é autor do Manual Técnico sobre o Método INI de Investimento em Ações, do livro "O Mercado de Ações em 25 Episódios" e do livro "Quanto Custa Ficar Rico?", os dois últimos pela editora Campus Elsevier.

    Paulo atuou como professor na Pós-graduação de Gestão Social da Universidade Castelo Branco e na Pós-graduação oferecida pela ANBIMA de Capacitação para o Mercado Financeiro.

    Atuou como professor da área de finanças e marketing na Universidade Castelo Branco e no curso de formação de agentes autônomos do SINDICOR.

    Como executivo do Instituto Nacional de Investidores - INI (www.ini.org.br) entre 2003 e 2012, ministrou mais de 500 palestras e cursos sobre o mercado de ações, sendo responsável pelo desenvolvimento do curso sobre o Método INI de Investimento em Ações, conteúdo que havia chegado a mais de 15.000 investidores em todo o país, até o ano de 2012.

    Representou o INI nas reuniões conjuntas de conselho da Federação Mundial de Investidores (www.wfic.org) e da Euroshareholders (www.euroshareholders.org), organizações que congregam quase 1 milhão de investidores em 22 países.

    Atuou como articulista do Informativo do INI, do Blog do INI, da revista Razão de Investir, da revista Investmais, do Jornal Corporativo e do site acionista.com.br. Foi fonte regular para assuntos de educação financeira de veículos como Conta Corrente (Globo News), Infomoney, Programa Sem Censura, Folha de São Paulo, Jornal O Globo, entre outros.

Liked it here?
Why not try sites on the blogroll...

%d blogueiros gostam disto: