BCE brincando com fogo…

Posted on 04/09/2008. Filed under: Finanças |

Ao contrário do FED, que vem tentando de todas as formas evitar tornar as vidas dos bancos ainda mais difícil, o Banco Central Europeu vem testando todos os limites do equilíbrio financeiro internacional.
 
Tem elevado as taxas básicas de juros e as taxas para que os bancos peguem dinheiro emprestado com o BCE.
 
Vejam:
 
http://www.bloomberg.com/apps/news?pid=20601087&sid=asOWb76COKPY&refer=home
 
Senhores, eu até concordo que muitos executivos de bancos estrangeiros deveriam estar na cadeia, por conta dessa bolha de derivativos que criaram, só para garantir os gordos bônus que seus bancos pagam, mas daí a testar os limites do equilíbrio financeiro internacional… Dar lição em colarinho branco com dinheiro de sardinha…
 
Acho que eles estão errados.
 
Nunca se deve levar tudo “a ferro e a fogo”. Deve-se ter maleabilidade. Deve-se aceitar que o bandido perca menos do que merece perder, para que os inocentes não venham a perder o que não merecem.
 
Erram ao utilizar as taxas para “controlar a inflação” ou para “dar uma lição nos gananciosos”. A falha na legislação e na fiscalização dos bancos e dos Hedge Funds é das autoridades financeiras e não dos pequenos investidores.
 
As autoridade devem trabalhar para reduzir as turbulências, para sanear o mercado, para legislar no sentido de evitar bolhas futuras E responsabilizar as pessoas que atuaram para gerar esse desequilíbrio financeiro atual.
 
Hoje temos um mundo que vale, na economia real X, e uma quantidade de dinheiro 3X. Tudo fruto de especulação no mercado de derivativos.
  
Melhor do que dar uma lição neles com o nosso dinheiro, seria usar as nossas leis.
 
E não estou falando das quedas das commodities, pois isso nada mais é do que um ajuste à realidade. Estou falando de um possível colapso do sistema financeiro.
 
A queda das commodities está “no preço”. O Brasil ganhou demais nos últimos anos, por conta dessa bolha. O que não está “no preço” é a irresponsabilidade do BCE em testar os limites do mercado financeiro.
 
Os bancos europeus e americanos de investimento realmente não tem dinheiro para enfrentar um choque de racionalidade.
 
Tem banco perdendo (Lehman) em 18 meses tudo o que lucrou em 30 anos.
 
Autoridades não devem brincar. O BC Americano fez o que podia, reduziu as taxas as valores negativos e se mostra ainda preocupado.
O BCE danou-se para o mercado e saiu aumentando os juros. O que foi “mega-idiota”, pois ampliou a valorização do Euro frente ao Dólar, dificultando mais ainda as coisas para o mercado Europeu, dado que suas mercadorias ficaram caríssimas em dólar.
 
Vamos esperar. Para quem tem um horizonte de 5 a 10 anos, é um bom momento para plantar. Sempre e aos poucos.
Anúncios

Make a Comment

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  • Disclaimer

    Este blog é um ambiente privado para expor opiniões, estudos, reflexões e comentários sobre assuntos ligados a finanças, bolsa de valores, economia, política, música, humor e outros temas.

    Seus objetivos são educacionais ou recreativos, não configurando sob nenhuma hipótese recomendação de investimento.

    O investidor consciente deve tomar decisões com base em suas próprias crenças e premissas. Tudo que lê ou ouve pode ser levado em consideração, mas a decisão de investimento é sempre pessoal. Tanto na escolha de ações para carteira própria, quanto na escolha de gestores profissionais para terceirização da gestão.

    O Autor espera que os temas educacionais do blog possam ajudar no desenvolvimento e no entendimento das nuances do mercado de ações, mas reitera que a responsabilidade pela decisão de investimento é sempre do próprio investidor.

    Sejam bem vindos!

  • Paulo Portinho

    PAULO PORTINHO, engenheiro com mestrado em administração de empresas pela PUC-Rio, é autor do Manual Técnico sobre o Método INI de Investimento em Ações, do livro "O Mercado de Ações em 25 Episódios" e do livro "Quanto Custa Ficar Rico?", os dois últimos pela editora Campus Elsevier.

    Paulo atuou como professor na Pós-graduação de Gestão Social da Universidade Castelo Branco e na Pós-graduação oferecida pela ANBIMA de Capacitação para o Mercado Financeiro.

    Atuou como professor da área de finanças e marketing na Universidade Castelo Branco e no curso de formação de agentes autônomos do SINDICOR.

    Como executivo do Instituto Nacional de Investidores - INI (www.ini.org.br) entre 2003 e 2012, ministrou mais de 500 palestras e cursos sobre o mercado de ações, sendo responsável pelo desenvolvimento do curso sobre o Método INI de Investimento em Ações, conteúdo que havia chegado a mais de 15.000 investidores em todo o país, até o ano de 2012.

    Representou o INI nas reuniões conjuntas de conselho da Federação Mundial de Investidores (www.wfic.org) e da Euroshareholders (www.euroshareholders.org), organizações que congregam quase 1 milhão de investidores em 22 países.

    Atuou como articulista do Informativo do INI, do Blog do INI, da revista Razão de Investir, da revista Investmais, do Jornal Corporativo e do site acionista.com.br. Foi fonte regular para assuntos de educação financeira de veículos como Conta Corrente (Globo News), Infomoney, Programa Sem Censura, Folha de São Paulo, Jornal O Globo, entre outros.

Liked it here?
Why not try sites on the blogroll...

%d blogueiros gostam disto: